Balotelli continua polêmico e presidente do Brescia reclama de falta de comprometimento do jogador com o time

Balotelli não vem jogando bem na temporada com cinco gols em 19 jogos, fora os problemas fora de campo.

Aos 29 anos, parece que a carreira de Mario Balotelli não deve mais prosperar. Depois de uma passagem pelo Nice, o atacante retornou ao futebol italiano no ano passado para defender as cores do Brescia, clube da cidade onde foi criado. Após quase um ano da sua contratação a diretoria do clube parece estar arrependida de ter trazido a estrela para o elenco.

O presidente do Brescia, Mario Cellino, desabafou em entrevista à “BBC”, destacando que o atacante tem cometido uma série de atos de indisciplina. Esses problemas são recorrentes na carreira do atacante italiano. A falta ao treinamento do time nesta semana levantou suspeitas por parte do presidente que admitiu estar arrependido de ter contratado o atacante por conta da falta de comprometimento com o elenco e o clube em si. 

O Brescia luta contra o rebaixamento no Campeonato Italiano. Por conta disso, Balotelli é a grande aposta do clube para evitar o descenso, mas os problemas extracampo do atacante indica que pode haver um final de ciclo vindo por aí.

O tom de desabafo do dirigente foi por conta de que o fato de o Brescia ter contratado Balotelli para ficar mais próximo de sua cidade natal e de seus parentes e amigos, poderia render um maior comprometimento do jogador com o futebol. No entanto, Balotelli não vem jogando bem na temporada. Foram apenas cinco gols em 19 jogos, fora os problemas fora de campo.

Em menos de um ano no Brescia, o atacante teve uma expulsão relâmpago que lhe rendeu uma multa da diretoria. Outra polêmica foi um acidente de carro que ele se envolveu, além de uma discussão com os torcedores por conta de ele ter se posicionando contra manifestações racistas dos fãs do Hellas Verona.

Enquanto o time espera um choque de realidade de Balotelli, o Brescia é o lanterna do Campeonato Italiano, com 16 pontos, nove atrás do Genoa, primeiro time fora da zona de rebaixamento. O Campeonato Italiano volta no dia 20 de junho com mais 12 rodadas a serem disputadas. O rebaixamento resultará a saída de Balotelli do Brescia, segundo apontou o presidente do clube.